• Responda à pergunta do dia e concorra a prêmios - Clique Aqui

Equipes de Bertioga participam da 15ª Volta à Ilha de Santo Amaro de Canoas Havaianas

Duas equipes de canoa havaiana vão representar Bertioga na 15ª Volta à Ilha de Santo Amaro de Canoas Havaianas, que acontecerá no próximo dia 10 de março: a Brucutu e a Buriquioca VA’A. Os grupos têm se preparado com dedicação para atingir boas colocações na disputa.
Serão 33 equipes, três a mais que em 2017, reunindo 297 atletas, recorde de inscrições, que remarão 75 quilômetros ininterruptamente, em trechos de mar e rio. Cada time é formado por nove remadores, seis na canoa e três no revezamento, fazendo substituições conforme a estratégia formulada.
Brucutu
A Brucutu, equipe mais antiga do Brasil em atuação, tem se preparado para obter bom desempenho na competição, dedicando-se a intensos treinos diariamente, entre os rios Jaguareguava, Itapanhaú e no mar, na Praia da Enseada. Liderada pelo capitão Everdan Riesco, a Brucutu é a única que participou de todas as edições do evento. Completam o time Antonio Carlos Barbosa, Antonio Sérgio Alves Coelho, Diego Santos, Douglas Dias, Ícaro Bispo dos Santos, Jorge Natalício, Matheus Fonseca e Renato Bigorna.
Buriquioca VA’A
A Buriquioca VA’A é outra equipe de destaque na Cidade. Em novembro do ano passado, seus integrantes representaram o país no campeonato Sul-Americano de Va’a, em Lima, no Peru, conquistando o quarto lugar com a equipe mista.
A equipe, formada por Ricardo R6, Wesley, Cristiano, Guilherme, Rogério, Glauco, Ismael, Gabriel e Eduardo, é regida pelo famoso China. Segundo ele, os atletas estão bem condicionados fisicamente e treinando para alcançar bom resultado. Os treinos acontecem diariamente, às 6 horas, no Canal de Bertioga, ao lado do Forte São João.
A prova
A canoa havaiana ou canoa polinésia são nomes para o esporte que surgiu na região do triângulo polinésio e originalmente é conhecido como Va’a, Wa’a ou Waka.
A prova tem percurso total de 75 km, passando por toda a costa da Ilha de Santo Amaro, onde está Guarujá. A largada e chegada são realizadas na Praia da Aparecida, em Santos, e os atletas remam no mar, com chances de ondulações, depois no rio, Canal de Bertioga, e Porto de Santos. A prova conta com mais 300 pessoas participando diretamente, entre staff, apoio, barcos de retaguarda.

Postagem original. Data original: 01 MAR 2018.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Entrar






Cadastre-se
Esqueceu sua senha?

Cadastre-se