• Responda à pergunta do dia e concorra a prêmios - Clique Aqui

Navio erra entrada no canal do porto de Santos e causa estragos na Balsa que faz a travessia Santos-Guarujá

De acordo com a Dersa, duas das três embarcações "sofreram avarias maiores" e não têm previsão de quando voltarão a operar na travessia.
Featured Video Play Icon

As embarcações atingidas pelo navio cargueiro Santos Express, na noite de domingo (6), não têm data para voltar a operar na travessia de balsas entre Santos e Guarujá. Na manhã desta segunda-feira (7), o serviço operado pela Desenvolvimento Rodoviário S/A (Dersa) era realizado com capacidade operacional reduzida. Apenas cinco das oito embarcações devem continuar em funcionamento nos próximos dias, enquanto as balsas atingidas passam por reparos.

De acordo com informações da Dersa, duas das três embarcações “sofreram avarias maiores” e não têm previsão de voltar a realizar o percurso entre os municípios. Outra sofreu “menos avarias e foi liberada para operar” ao longo desta segunda-feira. “Depois será retirada para manutenção”.

O acidente

A colisão ocorreu na entrada do Canal do Porto de Santos e foram atingidas três embarcações pelo navio porta-contêineres de bandeira alemã. Duas delas, a FB-18 e FB-19, estavam atracadas no píer do estaleiro, fora de operação em razão do baixo movimento. Já a FB-28 estava em operação, mas já sem veículos a bordo.
O acidente entre o cargueiro, com pouco mais de 300 metros, e as embarcações responsáveis pelo transporte de veículos de passeio entre ocorreu por volta das 20h30 e não deixou feridos. Apesar do ocorrido, as operações no Porto de Santos não foram interrompidas.
Uma das balsas atingidas, a FB-18, funcionou nesta manhã, antes mesmo de passar por reparos
Em nota, a Dersa disse que os “danos materiais causados pelo navio ainda serão apurados”.
A Marinha do Brasil, por intermédio da Capitania dos Portos de São Paulo (CPSP), informou, ainda na noite de domingo, que “um inquérito será instaurado para apurar causas e responsabilidades”.

Postagem Original Data: 06-05-2018

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

Entrar






Cadastre-se
Esqueceu sua senha?

Cadastre-se